Audiência Nacional Espanhola reconhece o estatuto de refugiado político a Hassanna Aalia

Hassanna Aalia, junto al abogado Javier Canivell y Patricia Bárcena, directora de CEAR Euskadi. (ARGAZKI PRESS)

Fonte: NAIZ

Após 5 anos, a Corte Nacional espanhola reconheceu o estatuto de refugiado político a Hassanna Aalia, ativista saharaui, que na conferência de imprensa em Bilbo mostrou a sua satisfação e agradeceu aqueles que o apoiaram. “Vamos comemorar quando todos os prisioneiros e refugiados saharauis estejam em liberdade.”

Hassanna Aalia recebeu o estatuto de refugiado político. A Corte Nacional espanhola reconheceu o estatuto de refugiado político a Hassanna Aalia. O activista saharaui que passou cinco anos a lutar por esse estatuto e contra a reivindicação de Marrocos para a extradição e a ordem de expulsão emitida pelo Estado espanhol.

O jovem saharaui agradeceu o apoio recebido durante este longo processo de cinco anos e ficou feliz com a notícia. No entanto, ele observou que só vai comemorar “, quando todos os prisioneiros e refugiados saharauis estejam livres.”

Leer más …

Uso de cookies

porunsaharalibre.org utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.plugin cookies

ACEPTAR
Aviso de cookies