Universidades Pablo de Olavide e Tifariti assinaram um acordo de atribuição de bolsas de estudo para estudantes saharauis

Fonte: elperiodico.com

O reitor da Universidade Pablo de Olavide (UPO) em Sevilha, Vicente Guzmán, e o reitor da Universidade de Tifariti (República Árabe Saharaui Democrática), Jatari Hamudi Andal-la, assinaram na quarta-feira na reitoria um acordo de cooperação entre ambas as entidades a fim de promover a realização de actividades de formação económica, científica, técnica e de pesquisa e a concretização dasprimeiras bolsas de estudo para que os alunos saharauis possam desenvolver parte dos seus estudos no UPO.

Ambas as entidades estabeleceram um quadro de cooperação educacional, a fim de desenvolver actividades conjuntas em formação e áreas de pesquisa, bem como em atividades práticas destinadas a estudantes universitários, que servem para fortalecer e ajudar a Universidade de Tifariti no desenvolvimento de suas funções acadêmicas e de pesquisa, fornecendo recursos humanos e materiais.

Ambos os reitores expressaram a sua satisfação após a assinatura deste acordo. Guzman recordou a responsabilidade de Espanha para com o povo saharaui, após uma presença de um século no Sahara Ocidental. “Na faculdade não somos políticos, mas não podemos fugir à política. Com a assinatura deste acordo não estamos a fazer política, mas academia e educação, que é uma forma de resolver conflitos políticos “, disse o reitor da UPO.

Leer más …

Câmara dos Deputados do México acolhe a exibição de pintura “saharauis: olhos refletindo a alma” do artista saharaui mexicano Antonio Velázquez Abdallahy

Foi inaugurada a exposição de pintura “saharauis: olhos refletindo a alma” de Antonio Velázquez que tem como objectivo solicitar o respeito e garantia da ONU dos direitos humanos e direito à autodeterminação do povo saharaui.

Com o pedido que o direito internacional seja aplicado e os direitos de liberdade e autodeterminação do povo saharaui contra a ocupação marroquina sejam respeitados, o “artivista” plástico António Velázquez, Abdallahy, inaugurou na segunda-feira no salão principal da Câmara dos Deputados a exposição “saharauis: olhos que refletem a alma”.

Tendo como convidados o Embaixador da República Saharaui Árabe Democrática, Ahmed Mulay Ali; o Embaixador da Cote d’Ivoire, Obou Marcellin Abie; o embaixador da República Bolivariana da Venezuela, María Lourdes Urbaneja de Durant; e vários deputados; o artista de origem tapatío reiterou o seu compromisso com a luta travada por este povo africano para recuperar a sua liberdade e afirmou que a arte é um caminho para o mundo ver e compreender os sentimentos desses lutadores.

“Esta coleção procura dar voz a um povo ancestral que vive no deserto e há vários anos luta pacificamente para recuperar a sua liberdade e independência”, disse Antonio Velázquez lembrando que como observador internacional do povo saharaui, foi capaz de documentar atrocidades e o genocídio que este enfrenta.

Leer más …

Cultura e educação aspectos estratégicos da Frente Polisario – Exemplo para o mundo

cultura-sahara

14 de outubro de 2016, porunsaharalibre.org

A Frente Polisario e a RASD tem demonstrado ao mundo que os dirigentes saharauis e a população saharaui se distingue pela positiva em muitos aspectos. Um destes aspectos é sem dúvida a política da República Árabe Saharaui Democrática que opta por definir como um dos elementos estratégicos a educação e a cultura.

Há que valorizar este aspecto, ainda mais devido ao facto de estarmos a falar de refugiados que há 41 anos se encontram em campos no meio do deserto da morte, dependentes da ajuda humanitária para sobreviver, as que mesmo assim e mesmo nos ano de guerra nunca deixaram a educação e a cultura para trás. Um exemplo para o mundo.

Segundo os dados da UNESCO publicados este ano, a taxa de alfabetização nos acampamentos de refugiados alcançou os 96%, tornando-se assim o segundo país com maior índice de alfabetização do continente africano, estando Serra Leoa em primeiro, com 99%. A RASD supera assim a taxa de alfabetização de Portugal que é de 94,8% (fonte INE) e está quase ao nivel do colonizador espanhol que tem uma taxa de 98,1%.

Leer más …

Uso de cookies

porunsaharalibre.org utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.plugin cookies

ACEPTAR