Esta entrada también está disponible en: Español (Espanhol)

Hmad Hammad

Fonte: Equipo Media y CODAPSO

Na segunda-feira à noite as forças de ocupação marroquinas retiveram o ativista de direitos humanos e vice-presidente da CODAPSO Hmad Hammad, e outros quatro ativistas que o acompanhavam em um carro; Bemba Lafkir, Mbairkat Abdul Karim,Sofi Elel e Abed Aziz Biay. A retenção ocorreu no posto de controle da polícia de El Aaiún, Sahara Ocidental ocupado. Os ativistas foram submetidos a interrogatórios e humilhações por mais de meia hora antes de serem libertados sem nunca lhes ter sido revelado o porque desta detenção ilegal.

Segundo declarações de Hmad Hamad à Equipe Media, nenhum dos carros e camiões que transportam a riqueza saqueada do Sahara Ocidental para Marrocos na mesma estrada , foram retidos em nenhum momento pelo controle da ocupação policial.

Hmad afirma que a polícia de ocupação marroquina continua a colocar restrições à liberdade de movimento no Sahara Ocidental a todos os saharauis e em especial aqueles que são membros de organizações de defesa dos direitos humanos.

O ativista junto com seus colegas acrescentou que um agente da polícia lhe assegurou que estava a receber ordens dos seus superiores para impor restrições aos movimentos de Hmad e seus colegas ativistas.

 As atividades e movimentos de Hmad Hammad e seus colegas permanecem vigiadas pelos serviços secretos, e têm sido e impedidos de viajar ao exterior quando pretendem denunciar à comunidade internacional as graves violações a que é sujeita diariamente a população saharaui