Esta entrada también está disponible en: Español (Espanhol) English (Inglês)

Horst KöhlerPUSL.- Após a visita ao Sahara Ocidental o enviado pessoal do Secretário-geral da ONU para este territorio emitiu um comunicado que fica muito aquém daquilo que se esperava. Koehler parece não querer “aborrecer” o ocupante marroquino e não menciona que a população saharaui saiu em massa à rua deixando claro que não existe outra solução que não seja a autodeterminação.

O ex-presidente da alemanha, ex-negociador do tratado de Maastricht, ex-membro da comissão trilateral e com ligações ao grupo Bilderberg, ex-presidente do FMI, ex-presidente do Banco Europeu de Reconstrução e Desenvolvimento, co-presidente do Banco Africano de Desenvolvimento e autor do plano Marshall para Africa decidiu no seu comunicado enfatizar a necesidade de uma solução “realista e de compromisso” que abra as portas ao investimento estrangeiro e criação de emprego na região. Parecendo mais preocupado com a economia e o investimento estrangeiro que com a ocupação e a máquina de repressão do ocupante. as detenções arbitrárias, os desaparecimentos forçados, a apropriação da cultura, a imposição da nacionalidade marroquina aos saharauis, a alteração dos nomes saharauis para que fiquem “marroconizados”, as torturas, etc etc etc

O investimento estrangeiro já presente como a mega empresa Alemã Siemens pode criar empregos, mas certamente não para a população saharaui, o territorio tem diariamente aumento de colonos marroquinos que ocupam todos os empregos e beneficiam do beneplácito das autoridades para maltratar, assasinar e ocupar as casas dos saharauis. Tudo coisas que apesar de relatadas ao Sr. Koehler não tiveram eco no comunicado. A visita foi um êxito independentemente de quaisquer comunicados, as imagens são claras, os saharauis não se vergam, irão lutar até alcançar a independência.

Nota aos Correspondentes: Visita do Enviado Pessoal do Secretário-Geral para o Sahara Ocidental (2 julho)

Após visitas a Argel, Nouakchott, Rabuni e Rabat, o Enviado Pessoal do Secretário-Geral para o Sahara Ocidental, oex Presidente Alemão Horst Koehler, efectuou uma visita de três dias ao Sahara Ocidental de 28 de Junho a 1 de Julho, que incluiu reuniões em El Aaiun, Smara. e Dakhla.
 
O enviado reuniu-se com autoridades locais, membros de um grande número de organizações da sociedade civil e membros da comunidade empresarial. O Presidente Koehler foi informado sobre a situação social e económica e sobre a situação dos direitos humanos no Sahara Ocidental. O debate em curso sobre o uso correto dos recursos naturais foi outro tema que os interlocutores do presidente abordaram repetidamente.
 
Nas suas reuniões, o Presidente Koehler sublinhou a importância de progredir no sentido de uma solução política justa, duradoura e mutuamente aceitável para o conflito que proporcionará a autodeterminação do povo saharauí. Ele sublinhou a necessidade de um novo espírito de realismo e compromisso. Tal solução, sublinhou o Presidente, eliminaria os obstáculos a mais investimento directo estrangeiro e à criação de crescimento e emprego no Sahara Ocidental e em toda a região do Magrebe. Enquanto seus interlocutores da sociedade civil expressaram uma diversidade de pontos de vista, todos compartilhavam um forte desejo de ver o conflito resolvido. O enviado pessoal foi encorajado pela abertura de todos os interlocutores para desempenhar um papel construtivo na busca de uma solução para o conflito, incluindo a construção de confiança em toda a frente política.
 
O Presidente Koehler gostaria de agradecer a todos os seus interlocutores no Sahara Ocidental pelos muitos intercâmbios úteis e francos que teve com eles e pela sua hospitalidade. Ele lamenta que, devido a limitações de tempo, ele não tenha conseguido falar com cada uma das muitas pessoas que pediram para se encontrar com ele. Ele também gostaria de agradecer ao SRSG Colin Stewart e a todos os funcionários da MINURSO pelo seu apoio contínuo à sua missão. O Presidente Koehler deixou o Território ontem.

Uso de cookies

porunsaharalibre.org utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.plugin cookies

ACEPTAR
Aviso de cookies