Estudantes Presos Políticos Saharauis dispersados por 4 prisões em Marrocos

This post is also available in: Español (Espanhol) English (Inglês)

PUSL.- De acordo com informação de familiares do grupo de estudantes conhecido por Grupo Companheiro de El Uali, presos políticos saharauis que foram condenados de 3 a 10 anos de prisão, os jovens serão transferidos hoje para várias prisões em Marrocos.

As autoridades marroquina irão assim dispersar o grupo pelos centros penitenciários de Ait Melloul, Tiznit, Bouzakarn e 6 continuam de momento em Oudaya Marraquexe (lista abaixo).

Vários dos jovens estão em situação de saúde alarmante, sendo que El Wafi Wakari necessita de uma cirurgia urgente.

Mais detalhes sobre a situação destes presos políticos saharauis podem ser consultadas nos vários artigos publicados pelo PUSL desde a sua detenção em 2016. (relatório e artigos)

Localização actual dos estudantes do Grupo Companheiros El Uali

Bouzakarn

El Kantaoui Albar – 10 anos de pena
Nasser Amenkour –  3 anos de pena

Tiznit

Mustafa Burkah – 3 anos de pena
Omar Laajna – 3 anos de pena

Ait Melloul

Mohammed Rgueibi – 3 anos de pena
Ali Shargui – 3 anos de pena
Hamza Rami – 3 anos de pena
El Wafi Wakari – 3 anos de pena
Ahmed Abba Ali – 3 anos de pena

Oudaya, Marrakesh

Abedmoula Elhafidi – 10 anos de pena
Aziz Aluahidi – 10 anos de pena
Mohammed Dada – 10 anos de pena
Ibrahim Almasih – 3 anos de pena
Salek Baber – 3 anos de pena
Omar Beijni – 3 anos de pena