PRESIDENTE RAMAPHOSA ASSUME PRESIDENCIA DA UA 2020 E REAFIRMA SOLIDARIEDADE COM O POVO DE SAHARA OCIDENTAL

PUSL.- Dirigindo-se aos participantes da cimeiro da UA em Adis Abeba na tarde de domingo, Ramaphosa prometeu solidariedade com o povo da Palestina e do Sahara Ocidental.

O presidente da União Africana prestou homenagem ao ex-presidente Thabo Mbeki, que foi presidente da UA em 2002 e fundou a Nova Parceria para o Desenvolvimento da África (NEPAD).

“Também devemos lidar com as ações de outros países fora do nosso continente que estão a travar guerras por procuração e alimentando os conflitos em andamento”, disse Ramaphosa.

“O princípio de encontrar soluções africanas para os problemas africanos deve ser o nosso tema base na abordagem de todos os conflitos no nosso continente, enquanto trabalhamos dentro das estruturas da UA e das Nações Unidas”, acrescentou.

Ramaphosa disse que a África do Sul irá organizar uma cimeira extraordinária com o lema “silenciar as armas” em maio. Ele também reiterou inequivocamente a solidariedade da união com o Sahara Ocidental e a Palestina.

“Hoje reafirmamos o nosso apoio inabalável e solidariedade com o povo palestino na sua legítima busca por um Estado independente e soberano, bem como o direito do povo do Sahara Ocidental à autodeterminação. Devemos garantir que a nossa independência e liberdade como povos deste continente sejam universais ”, afirmou.

Ramaphosa disse que até que todos os africanos serem livres, ninguém é livre.