Anass regressa à familia adoptiva

Anass Omari, o menino de onze anos que tinha sido retirado à sua familia em El Aaiun ontem, por ter feito uma bandeira da RASD foi hoje devolvido à sua casa em El Aaiun.

Anass tinha passado a noite na esquadra da policia e ia ser internado no orfanato de Salé, a mais de 1000km de distancia em território marroquino.

A policia de ocupação justificou esta acção por Anass ter feito bandeiras da RASD (República Árabe Saharaui Democratica).

O menino tinha escrito uma carta dirigida às crianças e jovens saharauis a pedir que não o esquecessem.

A indignação da população saharaui assim como a divulgação e denuncia do caso nas redes sociais e meios de comunicação social exerceram a pressão necessária para que a criança fosse devolvida à sua familia.

Ayúdanos a difundir >>>