Resolução Conselho Segurança Nações Unidas: Declaração do porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros da Argélia

A Argélia toma nota da nova resolução sobre a questão do Sahara Ocidental que o Conselho de Segurança das Nações Unidas acaba de aprovar.

Nota com grande satisfação que esta resolução reafirma, uma vez mais, com clareza, no seu preâmbulo e na sua parte operativa, que não há outra solução para este conflito, do que aquela que garante o exercício pelo povo do Sahara Ocidental ao seu direito inalienável à autodeterminação.

Portanto, só pode dar o seu total apoio ao Conselho de Segurança ao Secretário-Geral e seu Enviado Pessoal para reviver, com uma nova dinâmica e um novo espírito, negociações com vista a alcançar uma solução política justa, duradoura e mutuamente aceitável que promova a autodeterminação do povo do Sahara Ocidental.

Como só pode aderir ao apelo do Conselho de Segurança a ambas as partes no conflito, o Reino de Marrocos e Frente Polisario, para retomar as negociações, sem condições prévias e de boa fé, com vista a alcançar uma solução política justa, duradoura e mutuamente aceitável que permita a autodeterminação do povo do Sahara Ocidental.

A este respeito, expressa a esperança de que a renovação do mandato da Minurso por um período de seis meses encoraje ambas as partes do conflito a participar, o mais rapidamente possível e sem demora, na quinta ronda de negociações que o Enviado Pessoal Secretário-Geral assumiu e em cuja organização está ativamente envolvido.

No que lhe diz respeito, como sempre fez, a Argélia, como Estado vizinho, continuará a dar todo o seu apoio aos esforços do Secretário-Geral e ao seu enviado pessoal, sua contribuição total para o sucesso dos seus esforços

Sex, 27 de abril de 2018 às 9:26, Abdallah Baali

Ayúdanos a difundir >>>