MÃE DE SAADONI, PRESO POLITICO SAHARAUI, DENUNCIA TORTURA SOFRIDA PELO FILHO

PUSL.- A mãe de Ali Saadoni, preso politico saharaui, denunciou que na visita de segunda feira dia 5 de Agosto o filho apresentava cicatrizes visiveis em ambas as mãos e pulsos e que estava algemado. Saadoni disse à mãe que continua em isolamento total desde dia 21 de Junho quando foi transferido às 3h00 da madrugada da prisão de El Aaiun no Sahara Ocidental ocupado para a prisão de Bouzakarn em Marrocos.

Para além de estar em isolamento prolongado há 48 dias está algemado todo o tempo.

Segundo a mãe de Saadoni, o preso politico estava em estado grave de saúde e num estado geral miserável e a administração da prisão não lhe faculta os medicamentos que necessita diariamente para uma doença crónica grave da qual padece.

O confinamento prolongado a que está sujeito ultrapassa o tempo limite estabelecido pela lei marroquina e todas as convenções subscritas por Marrocos e considerado tortura pelas Naçōes Unidas.

Read more

Ayúdanos a difundir >>>