Eurodeputada do PCP questiona Morgherini sobre a prisão arbitrária da activista saharaui Mahfouda Elfakir

PUSL.- A pergunta escrita de Sandra Pereira eurodeputada do PCP (Partido Comunista Português), dirigida hoje a Federica Mogherini, a Alta Representante da UE para Política Externa e Segurança questiona as circunstância da detenção da activista saharaui Mahfouda Elfakir que foi detida na sala de tribunal de El Aaiun no passado dia 15 de Novembro.

Elfakir estava a assistir ao julgamento do seu primo de 15 anos que foi condenado a um mês de prisão por celebrar a vitória da Argélia na Taça das Nações Africanas de futebol.

Mahfouda Elfakir foi agredida pelas autoridades, foi ouvida pelo procurador marroquino sem a presença de um advogado e foi-lhe negada a entrega de medicamentos que necessita diariamente.

Read more

Ayúdanos a difundir >>>