Brahim Ghali dirige-se a Guterres: A ONU deve fazer mais para restaurar a confiança do nosso povo no processo de paz da ONU no Sahara Ocidental

Bir Lehlou (República Saharaui) 30 de dezembro de 2019 (SPS) – O Presidente da República Saharaui e Secretário Geral da Frente Polisario, Sr. Brahim Ghali, dirigiu uma carta no dia 28 de dezembro ao Secretário Geral da ONU, Sr. António Guterres, enfatizando que a ONU precisa fazer mais para restaurar a confiança do povo Saharaui no processo de paz da ONU no Sahara Ocidental.

Ele indicou na carta, que será distribuída aos membros do Conselho de Segurança da ONU, que existem várias medidas específicas que a ONU precisa implementar para restaurar a confiança perdida do povo do Sahara Ocidental no processo.

Por outro lado, Brahim Ghali afirmou que, embora a Polisario “reitera o compromisso contínuo com uma solução pacífica para o conflito, nunca pode ser um parceiro em qualquer processo que não respeite totalmente e não preveja o exercício pelo povo do Sahara Ocidental ao sua direito inalienável à autodeterminação e independência, de acordo com as resoluções relevantes da Assembleia Geral e do Conselho de Segurança.”

Read more

Ayúdanos a difundir >>>

Encerra o 15º Congresso da Frente Polisario, principais opções discutidas

Tifariti (territórios libertados), 25 de dezembro de 2019 (SPS) – O 15º Congresso da Frente Polisario terminou na noite de terça-feira, após seis dias, concentrando-se principalmente na, a análise das melhores opções para permitir que o povo saharaui recupere o seu legítimo direito de independência face ao impasse contínuo no processo de paz marcado pela persistente obstaculização marroquina.

Espera-se que a declaração final dos trabalhos do congresso constitua um documento que reflita a orientação política da Frente Polisario para o próximo mandato.

Os participantes do congresso, cujo número excedeu os 2400 delegados, examinaram nos dias anteriores as melhores opções a serem seguidas para a continuação da luta libertadora do povo saharaui.

A liderança política recém-eleita, que viu a nomeação de Brahim Ghali como Secretário Geral da Frente Polisario pelos próximos quatro anos e a eleição dos membros da Secretaria Nacional da Frente, garantirá a definição do procedimento detalhado para a implementação. das recomendações dos participantes do congresso.

Read more

Ayúdanos a difundir >>>

MARIA, JOSÉ E JESUS

PUSL.- Maria, José e Jesus são o símbolo anual de pessoas em busca de refugio, de calor, de solidariedade, de fraternidade. Símbolo também de que a nossa acção individual conta ao darmos abrigo, ao partilhar, ao não rejeitar o “outro”, o “estrangeiro”, o “pobre”, o que necessita de ajuda. Não através da caridade, mas sim através da solidariedade.

A Solidariedade tem muitos rostos, pode-se expressar de muitas formas e uma delas é não aceitarmos politicas que conduzem povos inteiros a necessitar de “caridade” e “ajuda humanitária”.

Vos deixamos três historias verídicas como prenda de natal, e esperamos que as compartem num ato de solidariedade e como ação individual de denúncia e rejeição da grande injustiça que impomos ao povo saharaui.

Read more

Ayúdanos a difundir >>>

Aprovado na Assembleia da Republica voto de condenação pela expulsão activista portuguesa Isabel Lourenço do Sahara Ocidental

PUSL.- O Deputado do PAN, André Nunes apresentou esta sexta-feira um voto de condenação pela expulsão activista portuguesa Isabel Lourenço do Sahara Ocidental que foi aprovado pela Assembleia da República Portuguesa.

Assim, a Assembleia da República, reunida em plenário, manifestou a sua condenação pela expulsão activista portuguesa Isabel Lourenço dos territórios ocupados do Sahara Ocidental e apelou ao Governo do Reino de Marrocos que respeite os direitos fundamentais dos activistas de direitos humanos, dos presos políticos Saharauis e do povo Saharaui em geral.

O voto foi aprovado com votação a favor do Bloco de Esquerda, Partido Comunista Português, Partido Pessoas, Animais e Natureza, Partido Ecologista Os Verdes, Iniciativa Liberal e Partido Livre. Votaram contra CDS-PP e CHEGA e abstiveram-se o PS e PSD.

Read more

Ayúdanos a difundir >>>

Eurodeputado do PAN condena repressão e expulsão de activista do Sahara Ocidental

PUSL.- Francisco Guerreiro do eurodeputado do PAN (Partido Pessoas, Animais e Natureza) interveio ontem na sessão plenária do Parlamento Europeu condenando a repressão nos territórios ocupados do Sahara Ocidental e a recente expulsão de Isabel Lourenço, cidadã portuguesa e activista de direitos humanos.

O Eurodeputado enfatiza que a continua repressão contra activistas e o povo saharaui pelo Reino de Marrocos tem que terminar e que a Comissão Europeia tem que tomar uma posição firme na defesa dos direitos humanos no Sahara Ocidental.

Read more

Ayúdanos a difundir >>>

Eurodeputados enviam carta ao Presidente da Comissão Europeia, Alto Representante da FASP e ao Presidente do Conselho Europeu preocupados com a ativista saharaui Mahfouda Lefkir

PUSL.- 30 eurodeputados enviaram hoje uma carta à Presidente da Comissão Europeia, Sra. Ursula Von Der Leyen, Vice-Presidente e Alta Representante da FASP, Sr. Josep Borrell, e ao Presidente do Conselho Europeu, Sr. Charles Michel, sobre Mahfouda Lefkir, ativista saharaui, mãe de 34 anos, recentemente condenada a 6 meses de prisão.

Deputados de vários grupos políticos (Grupo da Esquerda Unitária Europeia – Esquerda Nórdica Verde, Grupo dos Verdes / Aliança Livre Europeia, Grupo da Aliança Progressista dos Socialistas e Democratas no Parlamento Europeu, Grupo do Partido Popular Europeu – Democratas-Cristãos e deputados não-inscritos) expressaram a sua preocupação com o estado de saúde da Sra. Lefkir e a falta de assistência médica e as condições de detenção.

Read more

Ayúdanos a difundir >>>

Eurodeputada do PCP questiona Comissão Europeia sobre expulsão de activista portuguesa

PUSL.- Sandra Pereira, eurodeputada do Partido Comunista Português, dirigiu hoje uma pergunta escrita a Comissão Europeia sobre a expulsão de Isabel Lourenço, cidadã portuguesa e activista pelos direitos humanos expulsa de El Aaiun, Sahara Ocidental pelas autoridades de ocupação marroquinas que a enviaram posteriormente coercivamente para território marroquino.

A eurodeputada pergunta se:

– A Comissão tomou conhecimento desta situação ilegal? Tomou alguma medida para se inteirar das condições da cidadã portuguesa?

– Face às repetidas violações dos direitos humanos por parte do Reino de Marrocos a Comissão considera suspender os acordos que assinou com Marrocos, considerando as cláusulas de defesa dos direitos humanos neles presentes?

Read more

Ayúdanos a difundir >>>

Tifariti acolhe a Conferência Nacional Preparatória do 15º Congresso da Frente Polisario

Diario La Realidad Saharaui/DLRS.- Diario la Realidad Saharaui / DLRS.- TIFARITI (Territórios Libertados da República Saharaui), 15 de dezembro de 2019 agência nacional (SPS) _ de acordo com a agência na sua edição deste domingo, a localidade de Tifariti no território saharaui libertado começou hoje, domingo, 15 de dezembro, as atividades da Conferência Nacional Saharaui em preparação para o 15º Congresso, que durará três dias consecutivos, 19, 20 e 21 de dezembro.

A fonte indica que a Conferência discutirá hoje, entre outras coisas, uma agenda muito ampla de tópicos de interesse nacional, incluindo discursos, workshops e atividades para adoção no XV Congresso Nacional Saharaui. Também estudará os documentos apresentados pelas diferentes subcomissões e que serão abordados, por três dias, pelos mais de 2.000 delegados ao congresso representando todas as instituições saharauis.

Sps disse que a Conferência foi inaugurada esta tarde e que o Presidente da República, Brahim Ghali, fará um discurso sobre a situação geral no Sahara Ocidental. Também se espera que a Presidência da Comissão Preparatória envie uma palavra para apresentar os resultados do seu trabalho durante os últimos três meses de preparação.

Read more

Ayúdanos a difundir >>>

Federação Nacional de Professores: “Solidariedade com a ativista Isabel Lourenço e com a causa do Povo Saharauí”

FENRPOF.-  O Conselho Nacional da FENPROF, ontem reunido, manifestou a sua solidariedade com a ativista Isabel Lourenço e com a causa do Povo Saharauí

“Solidariedade com a ativista Isabel Lourenço e com a causa do Povo Saharauí (texto na íntegra).

As autoridades marroquinas expulsaram do Sahara, no passado dia 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos, a cidadã portuguesa Isabel Lourenço.

Isabel Lourenço é uma ativista e defensora dos direitos humanos no território do Sahara Ocidental, tendo, ao longo de vários anos, acompanhado e elaborado vários relatórios sobre a situação que aí se vive, o último dos quais publicado pelo Centro de Estudos Africanos da Universidade do Porto, de que é investigadora. Foi também observadora internacional acreditada pela Fundación Sahara Occidental em vários julgamentos de cidadãos saharauís, tendo ainda participado nos trabalhos da 4.ª Comissão da ONU e em várias iniciativas do Parlamento Europeu.

Read more

Ayúdanos a difundir >>>

A AGNU enfatiza as suas responsabilidades para com o povo saharaui, a solução deve ser baseada no exercício da autodeterminação

Nova York, 14 de dezembro de 2019 (SPS) – A Assembleia Geral das Nações Unidas (AGNU) aprovou uma nova resolução em que afirma as suas responsabilidades para com o povo saharaui e o seu direito inalienável à autodeterminação.

A Assembleia Geral das Nações Unidas, responsável por questões de descolonização, renova a posição da comunidade internacional que não reconhece a soberania de Marrocos sobre o Sahara Ocidental num momento em que a França tenta, dentro do Conselho de Segurança, mudar a natureza jurídica da questão saharaui para impedir que o povo saharaui obtenha a sua independência e soberania sobre as suas terras ancestrais em clara conspiração com o ocupante marroquino.

A votação unânime da Assembleia Geral da ONU, que inclui 193 países, reflete a adesão da comunidade internacional à legitimidade na questão do Sahara Ocidental, sobre a qual esta resolução foi adotada hoje como uma questão de descolonização.

Cabe ressaltar que a Quarta Comissão aprovou esta resolução em outubro, sob o tema “Implementação da Declaração sobre Concessão de Independência a Países e Povos Coloniais”.

Read more

Ayúdanos a difundir >>>
1 2 3