Autoridades de ocupação marroquinas matam uma jovem e ferem dezenas

PUSL.- Durante a noite e madrugada de 19/20 Julho as autoridades de ocupação marroquinas investiram brutalmente contra a população saharaui que saiu às ruas após a vitória da equipa da Argélia na CAN (Copa Africana de Nações).

A jovem Sabah ment Ozman de 23 anos foi atropelada por um veículo das forças de ocupação na Avenida Smara em El Aaiun, tendo tido morte imediata. Passava pouco da uma da manhã quando a noticia da morte da jovem foi divulgada nas redes sociais e confirmada pouco tempo depois ao PUSL por fontes no terreno membros da Nushatta Foundation e Codapso.

Os relatos de ataques da policia continuaram durante toda a noite. O número de feridos não está contabilizado. Crianças e jovens que enchiam as ruas para celebrar a vitória Argelina e exigir também a independência do Sahara não foram poupadas.

Read more

Ayúdanos a difundir >>>

Milhares de Saharauis nas ruas a celebrar vitória da Argelia

PUSL.- Milhares de Saharauis encheram as ruas das cidades ocupadas por Marrocos no Sahara Ocidental.

A população saharaui saíu à rua para manifestar a sua alegria com a vitória da equipa argelina e passagem à final da CAF (Copa de Futebol de África) e simultaneamente exigindo a autodeterminação e independência do Sahara Ocidental.

Bandeiras Argelinas e Saharauis eram exibidas pela população que gritava “1,2,3 vive l’Algerie” (1,2,3 viva a Argélia) e “Labadil Labadil Antakrir al Massir” ( não há outra solução a não ser a autodeterminação).

Pouco tempo após o inicio das manifestações as forças de ocupação marroquinas iniciaram a desmantelar e atacar os manifestantes.

Read more

Ayúdanos a difundir >>>

Uma bandeira do Sahara Ocidental na CAN de futebol provoca protestos de Marrocos

Por  Jesús Cabaleiro Larrán – Periodistas En Español .-O aparecimento da bandeira da República Árabe Saharaui Democrática (RASD) e o território saharaui separado do marroquino na venda de bilhetes da Confederação Africana das Nações (CAN) de futebol que decorrerá de 21 de Junho a 19 de Julho no Egipto, motivou protestos de Marrocos.

Em particular, a Federação Real Marroquina de Futebol (FRMF) contactou a organização CAN para retirar a bandeira saharaui do portal de bilheteira Tazkarti.com, que se encontra em três línguas, árabe, francês e inglês. Uma carta de protesto foi enviada, mas Marrocos foi informado de que a plataforma que gestiona esta página está no exterior.

A empresa que gere a plataforma do Get Group, está sediada em Dubai, com subsidiárias no Egito, Canadá, América Latina e Arábia Saudita. Read more

Ayúdanos a difundir >>>